quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Causa e efeito.



Quem semeia vento colhe tempestade. Quem semeia felicidade colhe alegria.
Ao escolher um ou outro caminho, você cria o futuro, que começa aqui e agora.
Você já deve ter perguntado: “Por que isso está acontecendo comigo?”
A resposta nem sempre fica evidente. É provável que vasculhar na memória
algumas de suas atitudes ajude a descobrir o motivo. A cada instante fazemos 
escolhas que determinam nosso destino. Assim preconiza a lei da causa e efeito,
segundo a qual a felicidade está na sabedoria de fazer espontâneamente aos 
outros o que desejamos para nós. É o resultado das ações dos homens e de suas 
consequências. Na escola, como na vida, aprendemos que para cada ação
existe uma reação igual e contrária. Toma lá, dá cá. Para o bem ou para mal,
nossas atitudes retornam de maneira implacável e às vezes em diferentes 
contextos. Nada do que se deve ao Universo fica sem ser pago. Há que se ter 
uma disciplina ferrenha para ficar atento as nossas ações e reações, pois muito 
de nosso jeito previsível reflete condicionamentos arraigados. Por conta deles,
acionamos respostas automáticas. Ao sofrer um insulto, por exemplo,
é bem provável que você se ofenda. Mas, lembre, o contrário também é possível.
Atitudes que parecem impensadas influenciam a energia ao nosso redor e, por 
extensão, o futuro. Conscientize-se de seus atos. Tente entender quais serão
as conseqüências da sua escolha e se ela trará felicidade tanto para si quanto 
para os outros envolvidos. Perceba a linguagem do corpo. Um nó na garganta
ou um aperto no coração podem ser o sinal do Universo para seguir outro 
caminho. Meditar é uma saída melhor do que pagar o débito com uma boa
dose de sofrimento. É como lavar roupa em um rio: a cada mergulho, saem 
algumas manchas. Dar nova expressão à experiência aparentemente negativa
é outra maneira de quitar as dívidas. Procure reconhecer as causas do ocorrido,
assimilar a mensagem e torná-la útil a seus semelhantes. Assim, você usa a 
semente de oportunidade e ata essa semente a seu propósito de vida.
Observe as escolhas que fará e tenha noção delas. Diariamente e a todo 
momento, leve em conta que se preparar para o futuro significa
se conscientizar do presente. Procure sempre estar atento às conseqüências 
de sua escolha e se trará satisfação e felicidade a você e a todos que sejam 
afetados por ela. Oriente-se pelas mensagens manifestadas por seu corpo,
principalmente o coração. Sensações de vertigem e cansaço indicam que 
o caminho está errado. Sensações de conforto e prazer indicam que,
a escolha é abençoada.

Lei da retribuição, procuro o autor!

4 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

A uns anos atrás por um minuto de bobeira fiz uma escolha na qual hoje me arrependo amargamente.

beijooo.

Chica disse...

Grande verdade para lembrar sempre! beijos,tudo de bom,chica

FADINHA disse...

Poxaa, minha amiga explendorosa... acredito tanto na lei da causa e feito, sabe...
Tanto que procuro dar somente o que gostaria de receber!
Ahhh... TEM SORTEIO LÁ NO CLUBE!
QUERO MUITO QUE VC PARTICIPE!
VAI LÁ!
Bjs

Suziley disse...

É preciso sempre semear o amor mesmo, querida amiga!! Beijos, boa noite :)

Voltar ao topo